Web Radio Jesus Cristo Gospel: Gideões Internacionais são proibidos de distribuir exemplares da Bíblia Sagrada em seis escolas

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Gideões Internacionais são proibidos de distribuir exemplares da Bíblia Sagrada em seis escolas


Gideões Internacionais são proibidos de distribuir exemplares da Bíblia Sagrada em seis escolas
O grupo missionário Gideões Internacionais realiza um tradicional e abrangente trabalho de distribuição de exemplares da Bíblia Sagrada em diversos países, mas a perseguição religiosa promovida por ativistas ateus tem limitado a atuação da entidade em escolas dos Estados Unidos.
Em um caso recente, a distribuição de Bíblias em seis escolas do condado de Bledsoe, no estado do Tennessee, foi interrompida devido à uma postura oficial da superintendente de educação da região, Jennifer Terry.
“Escolas do Condado de Bledsoe não permitem a distribuição de materiais de quaisquer grupos religiosos. A distribuição de materiais religiosos em uma escola pública é uma violação das disposições constitucionais, leis bem estabelecidas e precedências federais e estaduais”, disse Jennifer, de acordo com informações do Christian Today.
Em contraponto, o representante dos Gideões, Charlie Queen, afirmou que a disponibilização dos exemplares da Bíblia Sagrada é feita de maneira silenciosa e respeitosa às outras crenças: “Nós simplesmente entramos e colocamos o material sobre a mesa. Nós dizemos-lhes o que e quem nós somos. Se eles quiserem um [exemplar], podem livremente pegar. Nós não entregamos a eles, mas eles pegam o material voluntariamente”, comentou.
A decisão foi classificada como uma “perda de liberdade” e lamentada por toda a comunidade dos Gideões Internacionais.
O pastor Bill Wolfe, da “Lee Station” Baptist Church, concordou com Queen e afirmou que “toda sua congregação está muito decepcionada” com o cerceamento da liberdade religiosa na região: “Nós estamos deslizando para cada vez mais longe dos princípios sob os quais nossa nação foi fundada e é muito triste porque esta costumava ser ‘uma nação sob a mão Deus’ […] Agora, eu realmente acredito que estamos escorregando para mais longe e nós não vamos mais ser capazes de dizer isto por muito tempo”, lamentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário